22/11/2011

Tempestade mental

2º dia dormindo uma hora a menos pra editar a tempo o 2º livro que vou publicar. No rosto, já é necessário um reforço da maquiagem pra emoldurar melhor o cansaço. Dupla jornada essa.

O complicado é atender a expectativa de quem quer que eu escreva o livro que rola online e não deixar de editar os impressos pra quem quer comprar. É preciso, às vezes, se retirar, como quem corre da chuva, se recolhe em casa e fica esperando a chuva passar. A chuva passar é a tempestade mental que preciso estar pra mergulhar num novo trabalho.

Eu não sei ser chuvisco,sou temporal ou deserto, não há vales floridos entre.

No play: "Fast Car", boyce avenue.

Nenhum comentário: