01/11/2010

Eu sei que vou te amar

Por toda a minha vida eu vou te amar

Em cada despedida eu vou te amar

Desesperadamente, eu sei que vou te amar

E cada verso meu será

Prá te dizer que eu sei que vou te amar

Por toda minha vida

Eu sei que vou chorar

A cada ausência tua eu vou chorar

Mas cada volta tua há de apagar

O que esta ausência tua me causou

Eu sei que vou sofrer a eterna desventura de viver

A espera de viver ao lado teu

Por toda a minha vida

[Eu esperei você chegar quando pedi pra que tu existisse pra que não fosse tão triste a minha solidão e abandono. Eu era triste e infeliz, amargando amores que não vingaram. Mas, de repente, você chegou vestido de príncipe. Eu podia esperar algo até mais simples, all star e camisa surrada. Mas, não, tinha que bom demais pra superar e curar a ferida do meu coração. Então, você chegou de farda branca e corda vermelha no ombro, luvas brancas e espada. Eu de vestido longo e costas nuas te dei a mão e sorri. Você é o meu "capitão nascimento", mas doce e apaixonante como um príncipe encantado. Eu sei que você tinha a hora certa pra chegar e salvar a mocinha dos maus. Mas, eu tive que te ver partir tantas vezes. Eu chorei tanta saudade que cada ausência tua me causou... Mas, hoje, prestes a casar com você eu sei que será como nos contos de fada. Vou ter que outra vez esperar um pouco... Quanta saudade, eu aqui e você na Austrália. Mas, em cada despedida eu vou te amar desesperadamente. Fecho os olhos e imagino os seus braços fortes, quentes e morenos me envolvendo em posse e proteção. Eu amo em você a forma que sou completamente feliz refletida em seus olhos de dono de mim. Eu amo ser correspondida à altura. Porque um homem tem que te amar na altura do seu próprio amor.

Com muita saudade eu olho a foto de você vestido de príncipe e espero logo poder colocar meu vestido, luvas e sobretudo pra ser a princesa ao seu lado nas festas. Tenho orgulho de ser a sua diva.

[Pensamentos soltos ouvindo Maria Rita]

Li Mendi.

Nenhum comentário: