12/04/2008

Reflexões

Certa vez, um velho sábio recebeu a visita de uma moça que queixava-se de como era sua vida e de como as coisas estavam tão difíceis para ela. Ela já não sabia mais o que fazer e queria desistir. Estava cansada de lutar e combater. Parecia que os problemas surgiam, um após outro.

Então, o sábio levou-a até a cozinha. Encheu três panelas com água e colocou todas em fogo alto. Logo, as panelas começaram a ferver. Em uma delas, colocou cenouras, em outra, ovos e, na última, pó de café. Deixou que tudo fervesse, sem dizer uma palavra. A moça deu um suspiro e esperou impacientemente, imaginando o que ele estaria fazendo.

Minutos depois, o sábio apagou o fogo. Pegou as cenouras, os ovos e o café, colocando-os em recipientes separados. Virou-se para a moça e perguntou:

- O que você está vendo?
- Cenouras, ovos e café - ela respondeu.

Ele a trouxe para mais perto e pediu-lhe para experimentar as cenouras. Ela obedeceu e notou que as cenouras estavam macias. Ele, então, pediu-lhe que pegasse um ovo e o quebrasse. Ela obedeceu e, depois de retirar a casca, verificou que o ovo endurecera com a fervura.

Finalmente, ele lhe pediu que tomasse um gole do café. Ela sorriu ao sentir seu aroma delicioso e então perguntou:

- O que isto significa?
- Cada um destes - a cenoura, o ovo e o café - enfrentou a mesma adversidade, a água fervendo, mas cada um reagiu de maneira diferente. A cenoura, outrora crua e rígida, amoleceu e se tornou frágil. Os ovos, antes frágeis, mesmo com sua casca protegendo o líquido interior, tornaram-se firmes e mais resistentes. Já o pó de café é incomparável: depois que o coloquei na água fervente, ele mudou a própria água.

Após um profundo silêncio, o sábio prosseguiu:

- Qual deles é você? Quando a adversidade bate à sua porta, como você responde? Você é a cenoura, o ovo ou o pó de café? Você é como a cenoura, parecendo firme e forte, mas, com a dor e a adversidade, murcha e se torna frágil, perdendo sua força? Ou será que você é como o ovo, começando maleável, mas, depois de sofrer alguma pressão da vida, torna-se dura? Sua "casca" até parece a mesma, mas por dentro, você está dura. Será que você é como o pó de café? Você transforma o meio que a aflige, altera o que está trazendo a dor e oferece algo melhor e mais gostoso do que havia antes da adversidade?

"Ninguém pode fazer você se sentir inferior sem
o seu consentimento" - Eleanor Roosevelt

Lucy

4 comentários:

Fernanda disse...

Muito bom esse texto...
estou amando q estão postando todos os dias...

taíza_better disse...

Oiee meninas!!!
Amei esse texto Lucy,Veio na hora certa pra mim, estava precisando ler algo assim!!!
Comu vc tah ein??
Que bom q vc estah postando aki tbm, pensei q vc tinha eskecido do blogger!!!
Manda Notícias, se cuida bjokss
ateh + ^^

Laila disse...

lindo lindo lindo
^^
e profundo!!

Lucy disse...

Oi, queridas! Eu nunca esqueço do blog! Esse texto tb caiu como uma luva no dia em que o li. Acho que sou uma pseudo-cenoura querendo ser ovo, mas lá no fundo, quero ser um bom e velho café. (risos)

Eu to aqui, estudando, trabalhando, tentando ler as mil coisas que passaram na faculdade e fazer todos os trabalhos! Eu não vou sumir daqui! (risos)

Bju, lindonas!!!