24/09/2007

O amor me move

Para unir passado com presente e tornar tudo um tempo único, serei a cola entre os escritores de todas as épocas para fazê-los por minhas mãos expressarem juntos a poesia do amor.

Quando ele chega feliz de alguma missão por tê-la bem sucedido o meu coração se alegra como o seu, pois “amar é sentir na felicidade do outro a própria felicidade.” (Gottfried Leibnitz). É difícil ficar sozinha, sentindo faltar uma parte de mim. Aprendi que "amar não é apoderar-se do outro para completar-se, mas se dar ao outro para o completar". (Anônimo). Antes de querer demandar do outro algum afeto, tenho eu que me oferecer em doação. "Todos nós vivemos devorados pela necessidade de sermos amados, mas temos medo da insegurança de amar". (Anônimo) Podem falar o que quiser de você para mim, já que "Amar eficazmente a alguém é recusar-se a aceitar a sua caricatura. Rasgar todas as máscaras é a condição para que apareça a verdadeira face humana, no esplendor de sua verdade". (Anônimo). Eu tenho meus erros também, minhas manias e frescurices. Mas "a maior felicidade é a certeza de sermos amados apesar de ser como somos". (Vitor Hugo). Eu sei que "há vários motivos para não se amar uma pessoa e um só para amá-la”. (Carlos Drummond de Andrade)

A gente briga, discute, se realinha. Assim descobri que "amar não é aceitar tudo. Aliás: onde tudo é aceito, desconfio que há falta de amor". (Vladimir Maiakovski). Juntos nos moldamos, mesmo que seja por um fio de telefone que encurta nossa distância. "Por mais longe que o espírito alcance, não vai tão longe quanto o coração". (Anônimo). Meu coração sempre chega a você.

Li uma vez uma explicação sobre as rosas no livro “O pequeno príncipe” que explica por que tantas pessoas são infelizes no amor e até não nos entendem. "Os homens cultivam cinco mil rosas num mesmo jardim e não encontram o que procuram. E, no entanto, o que eles buscam poderia ser achado numa só rosa". (Antoine de St. Exupery) Elas não vêem que "foi o tempo que dedicaste à tua rosa que fez tua rosa tão importante". (idem.)

Sábado que vem comemoraremos 2 anos. Eu sei que "o dia mais importante não é o dia em que conhecemos uma pessoa e sim quando ela passa a existir dentro de nós". (Anônimo). Eu "quero estar com você num momento chamado sempre". (Anônimo) Éramos dois jovens sozinhos, quando nossos olhos se cruzaram. Não mudou muito, ainda somos eu e você, só que dessa vez compreendemos de verdade que o "Amor são duas solidões protegendo-se uma à outra". (Rainer Maria Rilke)

São tantos mimos e gestos delicados de afeto que partilhamos. "Nada é pequeno no Amor. Aqueles que esperam por grandes ocasiões para demonstrar a sua ternura não sabem amar." (Anônimo) Não gosto de me lembrar em nada do meu passado, mas tenho só coisas boas para querer do meu futuro. "É preciso sofrer depois de ter sofrido, e amar, e mais amar, depois de ter amado". (Guimarães Rosa)

Nós também podemos dar errado, há todas as possibilidades para isso. "O amor é uma flor delicada, mas é preciso ter a coragem de ir colhê-la à beira de um precipício aterrador". (João Teodoro Woldsen) A diferença é que eu, e não precisa mais ninguém, acredito em nós.

Eu te amo e te admiro. Sabias que "amar é admirar com o coração. Admirar é amar com o cérebro"? (Theophile Gautier). Eu não temo por enfraquecer de tanto te amar. Porque "o verdadeiro amor nunca se desgasta. Quanto mais se dá mais se tem". (Saint-Exupèry)

*Suspiro*. O amor me move.

Li Mendi

4 comentários:

mell disse...

sempre com seus textos perfeitos li!
mais uma vez arrasou (L)

Li disse...

q isso! (*envergonhada*)

luana disse...

com certeza!!!!
Dormi triste pq não falei com meu amor, li o texto e toda a tristeza foi embora.... Obrigada mesmo Li!!!!
Beijos

Quel disse...

Mais um texto perfeito!!!
E nada de ficar envergonhada, merece muito amis elogios!hehe
Beijoss LI!