20/06/2007

Preciso contar a vocês... :)


Olá meninas, faz tempo que eu não escrevo, mas gostaria de contar a vocês o que me aconteceu no dia dos namorados...

Meu namorado não esta na aman, ele é soldado, então tenho o privilegio de estar mais perto dele, no dia dos namorados tínhamos combinado que eu sairia do trabalho mais cedo e iria na casa dele, depois iríamos comer uma pizza ... ficar só nos dois.

Deu seis horas e ele ainda não tinha saído do quartel (sendo q o horário pra ele sair é as cinco), deu sete horas ele ainda não tinha saído, quando foi 7:20 ele me ligou, dizendo que estava saindo, notei que sua voz estava triste, e perguntei a ele se ele não gostaria de ir comer pizza com a minha mãe e uns amigos (não era exatamente o que eu queria.... mas achei que fosse o melhor a fazer) e ele concordou, foi até o trabalho da minha mãe (que fica perto do quartel) e pegou uma carona com ela.

Logo depois disso... minha mãe me liga e diz que deu um problema no carro, e que vai se atrasar um pouco (eu fiquei nervosa pois queria vê-lo o mais rápido possível)... fui para casa...

Mais tarde ele chegou... e estava com uma carinha muito triste, eu perguntei por que, e ele disse que tinha saído muito tarde do quartel, e que não tinha dado tempo de comprar o meu presente, eu falei que não tinha problema, pois o mais importante pra mim é que ele estava ao meu lado, e que nosso amor estava muito bem, e lhe entreguei o presente que eu tinha “feito pra ele” (era um caixa, toda decorado com corações, frases e fotos nossa, dentro dela tinha uma blusa com um bilhetinho escrito – esta é para te aquecer quando eu não estiver por perto, um livro presente, que tinha um frase e uma figura em cada paginas, as quais eu completei com partes da nossa historia e meus sentimentos por ele, e também uma outra caixinha, que continha vários vales-beijos, um cartão e um vídeo que fiz com fotos nossa), sempre brinco com ele que só dou presente inútil pra ele.....mas ele sempre diz que gosta muito...

Fomos comer pizza... foi muito divertido, e ele não demorou muito para desencanar da idéia de não ter dado tempo para ter me comprado o presente...
Depois fui dormir na casa dele, e comemoramos da melhor maneira.... No outro dia, saímos juntos... ele foi para o quartel e eu para a Faculdade...

À tarde as 17:15 ele me ligou, dizendo que tinha saído do quartel e estava vindo aqui onde trabalho, só que iria demorar um pouquinho... Quando ele chegou, me deu um lindo Buquê de rosas vermelhas... o que me deixou muito emocionada, o buquê era lindo, e tinha um lindo cartão, que ele escreveu enquanto esta de serviço no domingo, e uma carta.
Foi o melhor presente que eu ganhei na via, por que foi dado pelo homem que eu mais amo no mundo.


(Esta página do diário foi escrita por Jéssica Silva)

6 comentários:

Li disse...

É tão bom ver textos lindos, felizes e românticos aqui! Wooon muito fofinho!
Agora pode passar a pizza para cá pq eu to com vontade agora!
Mas sem Coca, pq hoje eu apresentei um trabalho gigante sobre a coca. hahha
beijuuuus

Jéssi disse...

huahuahua.... olha meu textinho ai....
ai gente.... as rosas já tao muchando.... ai que dó.....
adoro vcs meninas...
to de volta a tiva..... beijos...

aninha disse...

oi Jéssi, oi meninas!!!!!! eita... eu adoro essa guria heim!!! sem noção cara!!!!!! torço muito por vc!!!!!! bjus!!!

e não deixem de conferir o amor militar na maturidade

www.taoiguaisetaodiferentes.blogspot.com

kel disse...

nossa q coisa linda viu!!!]parabens pelo amor!!!
bjs

Aninha Barreto disse...

oi meninas! acabei de escrever mais um capítulo do romance militar tão iguais e tão diferentes!

www.taoiguaisetaodiferentes.blogspot.com

bjus

Quel disse...

Ai q lindo!!!
Muito bom ver historias felizes aqui tb!!!

Bjusss