11/06/2007

O que eu amo quando eu te amo?

Eu quero um dia dos namorados para lembrar que em algum lugar um homem muito especial leva consigo o meu coração. Quero esse dia para sorri feliz e ter a certeza de que vamos ficar juntos um dia. Vou comemorar sozinha a alegria de amar de verdade.

Esse sentimento é muito superior e mais elevado que o falso romantismo das vitrines das lojas repletas de corações. É um elo acima das promoções de celular, de sapato, de perfume, porque ele não tem preço e, se tivesse, nem um dinheiro conseguiria alcançar seu valor.

Quanto custaria a distância, quantas moedas equivaleriam a ausência dos beijos, abraços, cheiros e carinhos? Impossível mensurar.

Essa semana ele está no campo e eu sem sua voz, sem nem algumas palavras de carinho ao telefone. Mas tenho aqui comigo seu coração e isso é o verdadeiro significado desse dia.

Muitas pessoas gostariam de ter um namorado para poder ganhar presente nesse dia e se sentirem importantes, para mim o meu amor é o próprio presente me dado pela vida.

Eu era alguém triste, magoada e incrédula a respeito da felicidade e do nada me apareceu ele com seu jeitinho doce e amoroso. Não desistimos do nosso amor nem quando seu pai teve que se transferir para outro estado e ficamos ainda mais longe de corpos. As pessoas não entendem como administramos isso. Mas amor não é algo que se “gerencie” feito uma empresa, simplesmente “É” e pronto.


Santo Agostinho pergunta “O que eu amo quando amo a Deus?” eu poderia perguntar também: “O que eu amo quando eu te amo?”. Amo sua sobrancelha desenhada e ficar brincando de penteá-la com a ponta dos dedos. Eu amo quando você vem se aninhar no meu colo e eu beijo sua cabeça cheirosa. Amo quando me abraça e aperta com força e eu brigo com você “que vai me quebrar” e você sempre cai na gargalhada. Eu te amo porque você é para mim tão íntimo como um irmão. Podemos colocar a mão na comida um do outro, vestir a mesma meia, dividir a colher do sorvete. Não há uma linha limite do pudor, da moral, porque somos despidos de qualquer distanciamento.

Quando você chega e joga a mala no chão, eu sinto que tudo vale a pena.

Esse último dia dos namorados longe será um dia muito feliz, porque eu te amo e saber que você me ama é o que importa de verdade!

Li

4 comentários:

Quel disse...

Li!
Que bom ( de nv) que esta esta melhor!!!
Nossa tinha que comentar esse texto...acho incrivel como o que vc escreve aqui é semelhante a tudo que sinto!!!
Perfeito demais...
Acho qeu todas nos teremos o dia de amanha sozinhas, mas etmos umas as outras neh?!?!Depois do blog ninguem mais fica sozinha aqui!!!
Bem é isso so!
Beijos!!!

Jéssi disse...

Oi...... maravilhoso Li... ando meio sumidinha... confeço..... só q com fim de semestre sempre apura um pouquinho...
amei....
amanha eu vou estar com meu amor.... mas oque mais importa pra mim... é o sentimento... o amor verdadeiro q sentimos....
beijos meninas....

Tita disse...

Oi Li! Vc melhorou, que bom! =D
Acho que nós somos muito felizes por podermos comemorar esse dia, que não é diferente dos outros, mas é um dia nosso né, do melhor jeito. Que é com muito amor de verdade. Não precisa ver, tocar, ter que especificar pra sentir. É simplesmente tudo isso que faz a gente ficar tão completa e tranqüila.
Feliz dia dos namorados meninas! =9
Beijooos

mell disse...

lindo o texto li..
meu ultimo dia dos namorados longe dele tb \o/ \o/
q bom q vc tah melhor =***